Siga o Portal do Holanda

País proíbe presença delas

Iraniana ateia fogo em si e morre após ser julgada por entrar em estádio

Publicado

em

A iraniana Sahar Jodayari, de 29 anos, que ateou fogo no corpo após saber que poderia ser condenada à prisão por tentar entrar em um estádio de futebol, algo proibido para as mulheres no Irã, não resistiu aos ferimentos e morreu.

Vários internautas pediram à Fifa que pressione Teerã a permitir a ida das mulheres ao estádios. O time Esteghlal ofereceu suas condolências à família da jovem. (Com agências internacionais)

As informações são do jornal O Estado de S. Paulo.

O ataque dos assassinos em série (serial Killers)

Para compartilhar este conteúdo, utilize o link ou as ferramentas oferecidas na página. Textos, fotos, artes e vídeos do Portal do Holanda estão protegidos pela legislação brasileira sobre direito autoral.

HORA do H: DRA. DEBORA LAREDO JEZINI, ENDOCRINOLOGISTA UFAM


Copyright © 2006-2019 Portal do Holanda.